VNEWS BA Mostra a Bahia que você não conhece!

Durante Passeata pedindo Justiça, pais de Ranitla se ajoelham no asfalto, no local em que a filha morreu atropelada

Uma cena triste emocionou várias pessoas na zona sul de Ilheús, no ato de protesto contra a morte trágica da cirurgiã-dentista Ranitla Scaramussa (23 anos), que aconteceu no último sábado (11), no trecho duplicado da BA-001.

Na tarde desta quarta-feira (15), Roberto Bonella e Romênia Scaramussa (pais de Ranitla) se ajoelharam no local em que a filha morreu, após ser atropelada por um carro conduzido pelo empresário Tarcísio Aguiar, sócio do bar Mar Aberto. A vítima atravessava a pista na faixa de pedestres quando foi atingida.

Com um terço nas mãos, Roberto Bonella clamou a Deus por justiça. Romênia Scaramussa em prantos, enconstou o rosto no chão num gesto de tristeza absoluta.


Curta e Compartilhe.

Total de Comentários: 6

6 thoughts on “Durante Passeata pedindo Justiça, pais de Ranitla se ajoelham no asfalto, no local em que a filha morreu atropelada

  1. Com certeza não terão a justiça que dela se espera, isso diante da Lei que temos aplicável ao caso, vejam que o “ASSASSINO” se apresentou na delegacia foi ouvido e depois voltou para casa. O que resta é fazer a Justiça.

  2. A única lei que existe no Brasil todos sabem que é só pensão alimentícia que dar cadeia, o resto é resto , lamentável esse Brasil que vivemos

  3. Infelizmente, são poucos motorista que param na faixa de pedestre aqui em Ilhéus. São vários trechos, eles não colocando TDS. Não respeitam mesmo. Vamos fiscalizar mais

  4. Alguém fez esse comentário utilizando meu nome e sobrenome. Não expressa minha opinião, nunca nem conheci qualquer envolvido no fato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Leia Também